domingo, outubro 20, 2013

Jogral para as barbas de walt whitman

fosses flor
caminho
ou pedra

ainda assim
não saberia
teu significado

mas ávido
desejo-te
como o ar

tão pleno
de vazio

e ausência

7 comentários:

Leonardo B. disse...


[a palavra, alimento

e vertigem
entre ausências
e presenças; primeira pedra
o caminho em si.]

um imenso, imenso abraço, Assis

Lb

Ingrid disse...

..." E para ti,minha alma,
Prazeres,exercícios sem fim"..
pleno sempre!
beijo Poeta..

Índigo disse...

¡Quién fuera la flor de su barba, si!

dade amorim disse...

Whitman tem um significado, mas talvez nem interesse muito...

Beijo

Cris de Souza disse...

Pleno em presença de espírito!

José Carlos Sant Anna disse...

Haja derramamento na plenitude do vazio e da ausência preenchida pelo teu lirismo.
Abração,

Anna Amorim disse...

É da falta que nasce todos os desejos e da saciedade o conhecimento da fome!

Abs,