sábado, outubro 06, 2012

poeminha para acontecer desalinhos


quando a poesia te amanhece
em sutil e inconsútil disfarce
voo para ti em brisas e lilases
no emaranhado de uma frase

13 comentários:

Vais disse...

linda imagem a de voar em brisas e lilases

beijinho, Assis

Dulce Morais disse...

Como sempre, a sua poesia é um encanto. Sem enfeite, pura e sensível. Os Haicais, as quadras, os poemas mais extensos, cada um é música para os leitores.
Muitos parabéns!

Fred Caju disse...

Demais, e a gente vai tentando desemaranhar as frases amanhecidas.

Everson Russo disse...

A frase do despertar de amor...abraços...

Joelma B. disse...

que lindo de imaginar este voo!

beijo!

Adri Aleixo disse...

:) que lindo amanhecer...

Beijo meu!

teca disse...

Um charme o "voo para ti"...

Bom fim de semana.
Beijo carinhoso.

Tania regina Contreiras disse...

Fios e asas, e o meu olhar de fã, eenternecido...:-)
Beijos,

Daniela Delias disse...

A beleza do voo!

Bjo, poetinha!

Eurico disse...

Matinais... as
asas do amor na manhã.

Ingrid disse...

sempre amar e amar..
inspirador.
beijos

Lídia Borges disse...


O"emaranhado de uma frase" pode ser teia. Poesia, só nos casos privilegiados do amor-

Lídia

dade amorim disse...

Amar assim é por si um emaranhado, uma transformação. Sem falar na beleza.

Bjs!