sexta-feira, agosto 24, 2012

Eu e minhas indagações para o mar


escrever, escrever, escrever
até vir o súbito e o infinito
na palavra:

6 comentários:

Everson Russo disse...

E a palavra é o próprio infinito...abraços de bom final de semana.

Tania regina Contreiras disse...

Essa a lida do Poeta.
Beijos e bom fds.

Lou Vilela disse...

que assim seja!

Um beijo

Lídia Borges disse...


Para alguns, "o súbito e o infinito" parece tão próximo.

Eurico disse...

Quanta densidade em três versos.
Um mar, um oceano, escrever...

LauraAlberto disse...

assim será, assim é

beijo Poeta