sexta-feira, agosto 02, 2013

O homem que tramava epifanias

Magritte não pintava pássaros
Ele apenas queria elevar as coisas
Ao status de asas:
Compunha cores em rotas de elevação



6 comentários:

Luiza Maciel Nogueira disse...

Elevar-se é a tarefa mais nobre de um homem, belo!

Beijos

Tania regina Contreiras disse...


Perfeita dedução! :-)

Beijos, poeta...

dade amorim disse...

Asas tentam tanta gente!
Mas são mesmo muito belas e valem a pena.

Beijo

Fred Caju disse...

Não daria o mesmo testemunho, mas excelente mesmo. Poema massa.

Abraço.

jorge pimenta disse...

e eram nossos os voos em pálpebras e rufares em vez de asas.

abraço!

José Carlos Sant Anna disse...

Num céu todo aberto é elevar-se...
Abração, poeta,