sábado, dezembro 15, 2012

Poeminha para assunção de anjos em cortejo


Hoje acordei com um rasgo de silêncio
E dentro do silêncio ecoava névoa
E dentro da névoa ecoavam rostos
E nos rostos só havia silêncio




4 comentários:

Curiosa disse...

conheço esses silêncios ... dizem muito ... abraço, Assis!

Lau Milesi disse...

Belo e comovente,poeta Assis.Não tenho palavras para expressar minha tristeza quanto à essa tragédia de Connecticut.Não consigo compreender tanta loucura,tanta maldade.Mas elas estão por aí.Só nos resta mesmo pedir por esses anjos que se foram e a Deus... para que conforte essas famílias.

Um beijo pra você.

Lídia Borges disse...


"E nos rostos só havia silêncio"



Um beijo

teca disse...

Uma delícia de sensação...

BOAS FESTAS junto aos seus, Assis!!!
Beijos e flores com as cores do amor.
Felicidades hoje e sempre!